Projeto prevê prisão para quem divulgar fake news

Share:
Compartilhe Essa Matéria


Está em tramitação no Congresso um conjunto de projetos para tipificar quem cria ou dissemina notícias falsas na internet. Das 12 propostas que tramitam na Câmara e no Senado, dez chegaram ao longo de 2017 e 2018. A maioria qualifica como crime a divulgação das fake news. Em uma delas, o deputado Francisco Floriano (DEM-RJ) vai além e propõe reclusão de dois a seis anos, além de multa, para quem “divulgar fatos inverídicos sobre partidos ou candidatos”. A punição é maior que a de homicídio culposo, que prevê detenção de um a três anos.
No controle. Em seu projeto, Floriano agrava a pena para quatro a oito anos de reclusão se o conteúdo falso for divulgado em “imprensa, rádio ou televisão”.
Conselheiro. Na última terça, dois dias antes de se lançar pré-candidato ao Planalto, Rodrigo Maia (DEM-RJ) fez um bate-volta a São Paulo para discutir “a economia do País” com o ex-ministro Delfim Netto. O encontro não foi registrado na agenda oficial de Maia.

Via: estadao


Receba Nosso Conteúdo Exclusivo


Notícias Urgentes, Mensagens de Dobson Lobo e etc Uniaodoslivres


// O corpo do texto deve ficar no lugar deste comentário. //

Nenhum comentário