Publicidade

Últimas Notícias
recent

Coca Cola E Pepsi calam organizações de combate a diabetes. Porque?

Por que a Coca-Cola e a Pepsi Financiam 100 Organizações de Saúde nos EUA?
Um estudo sobre os patrocínios destas duas grandes marcas revela quais poderiam ser suas verdadeiras intenções.
Você confia em um estudo financiado sobre os hábitos alimentares financiados por uma companhia de refrigerantes? Consideraria confiável uma organização sobre a saúde pública que recebe financiamento de grandes companhias produtoras de bebidas açucaradas? E mais amplamente, em termos de saúde pública, o que você acha da Coca-Cola e Pepsi terem financiado 100 organizações sanitárias ao longo dos últimos 5 anos?
Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Boston e publicado na revista científica American Journal of Preventative Medicine colocou em foco esta questão controversa em um país como os EUA – no qual as grandes corporações têm um considerável poder de pressão em termos de legislação e no qual, por outro lado, os problemas de saúde relacionados com a alimentação (especialmente a obesidade) são um fenômeno realmente problemático.
A Coca-Cola Company e a PepsiCo patrocinaram pelo menos 96 organizações sanitárias entre 2011 e 2015. A desagregação dos dados permite saber, além disso, que 12 organizações aceitaram financiamento de ambas companhias em conjunto, enquanto que 83 companhias receberam dinheiro unicamente da Coca-Cola Company. Na lista apresentada no relatório aparece uma única organização que aceitou dinheiro somente da PepsiCo, mas poderia ser mais, já que a Pepsi não torna pública a lista de empresas cujo financiamento participa, diferentemente da Coca-Cola. Por esta mesma razão, é presumível que as organizações financiadas por estas companhias superem amplamente a centena.
Organizações de diabetes aceitam financiamento de Coca-Cola, e Pepsi
Duas das organizações que figuram a lista do relatório, para surpresa dos próprios autores, é a American Diabetes Association (Associação Americana do Diabetes) e a Juvenile Diabetes Research Foundation (Fundação de Pesquisa de Diabetes Juvenil – JDRF) – o que é um caso chamativo dentro da paradoxal relação entre os produtores de alimentos nocivos para a saúde e as organizações sanitárias, uma vez que a diabetes é altamente relacionada com este tipo de bebidas.
Tal como reconhecem os autores do relatório, as conclusões “não são diferentes” de outros estudos realizados anteriormente sobre os patrocínios executados por marcas de álcool e tabaco, que deixam bastante claro que “essa filantropia corporativa é uma ferramenta de marketing e por ser utilizada para silenciar as organizações sanitárias que, de outra forma, poderiam pressionar a favor de medidas de saúde pública que prejudicariam essas indústrias“, tal como afirma um dos co-autores do estudo o doutor Michael Siegel, em declarações ao site RT. Por isso, no mesmo relatório recomendam que estas organizações sanitárias busquem urgentemente outras vias de financiamento.
Durante o período estudado (2011-2015), ambas companhias pressionaram para impedir que 28 projetos de lei lhes prejudicassem economicamente. Alguns desses projetos de lei se referiam a impostos para as bebidas gaseificadas ou a restrições em publicidade. Calcula-se que a Coca-Cola Company investiu 6000 bilhões de dólares em seus lobbys, enquanto que a PepsiCo investiu 3.000. De acordo com os autores do estudo, “estas ações provam um interesse prioritário no benefício econômico, em detrimento da saúde pública“.


Leia mais: http://www.noticiasnaturais.com/2016/10/por-que-a-coca-cola-e-a-pepsi-financiam-100-organizacoes-de-saude-nos-eua/#ixzz4P4qhozM4


Receba Nosso Conteúdo Exclusivo


Notícias Urgentes, Mensagens de Dobson Lobo e etc Uniaodoslivres

***DEIXE SEU COMENTÁRIO ***


 DOE AGORA

Tecnologia do Blogger.