Publicidade

Últimas Notícias
recent

O que é a MERS, a nova doença que preocupa o mundo?


Obs: A matéria é de 2014, mas dá pra gente conhecer um pouco desta nova ameaça mundial. Dobson Lobo
Com o primeiro caso confirmado nosEstados Unidos na última sexta, a MERS (Síndrome Respiratória do Oriente Médio) começa a preocupar o mundo.
Em seu site, Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) já instrui cidadãos americanos com sintomas dadoença que tenham viajado pela região da Península Arábica recentemente a procurarem ajuda médica.
Descoberta em abril de 2012 na Arábia Saudita, a MERS é causada por um tipo de coronavírus que gera problemas respiratórios severos, tosse e febre - segundo aOrganização Mundial da Saúde (OMS).
Até o momento, 12 países já registraram casos da doença - de acordo com levantamento do CDC: Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, EUA, França, Itália, Jordânia, Kuwait, Malásia, Omã, Qatar, Reino Unido e Tunísia.

Mapbox/CDC
Mapa da MERS no mundo
Contágio
De acordo com Tony Mounts, membro do grupo de pesquisa da MERS da OMS, ainda não há confirmação sobre como a doença é transmitida.
Suspeita-se que a MERS tenha origem animal (provavelmente camelos) e que seu contágio entre humanos se dê por meio de secreções respiratórias.
Em novembro de 2013, cerca de 150 pessoas estavam infectadas com o vírus em todo o mundo.
De acordo com a OMS, de janeiro até o fim de março, 28 casos foram confirmados e 10 mortes causadas pela doença foram registradas.
Sars
Muitos têm apontado semelhanças entre a MERS e SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave), que surgiu na China em 2002 e vitimou cerca de 800 pessoas.
Porém, Mounts destaca que a última doença se espalhou mais rapidamente.
OMS/Storyfy
Tuíte de Tony Mounts, da OMS
"SARS e MERS causam sintomas parecidos mas a SARS era muito mais facilmente transmitida. A SARS registrou mais de 8 mil casos em 3 meses", afirmou ele no Twitter.
Com taxa de mortalidade em cerca de 40% dos casos, a MERS ainda não tem um tratamento específico.
No Egito, autoridades estão investigando se a morte de uma mulher de 60 anos foi causada pela doença.
Via: exame

PARTICIPAÇÃO
Os leitores podem colaborar com o conteúdo do UL enviando notícias, fotos e vídeos
(de acontecimentos ou comentários) que sejam relevantes no Brasil e no mundo. Para isso, Envie sua Notícia para uniaodoslivres@hotmail.com
***DEIXE SEU COMENTÁRIO ***

Receba Nosso Conteúdo Exclusivo


Notícias Urgentes, Mensagens de Dobson Lobo e etc Uniaodoslivres

Tecnologia do Blogger.