Publicidade

Últimas Notícias
recent

CAUSA PRÓPRIA: Prefeitura do PT vai usar milhões em restauração de casarão para abrigar museu de ativistas gays

Prefeitura do PT vai usar milhões em restauração de casarão para abrigar museu de ativistas gays
A prefeitura de São Paulo, administrada por Fernando Haddad (PT), ex-ministro da Educação no governo Dilma Rousseff (PT), vai criar um museu da homossexualidade na cidade e escolheu um dos imóveis mais caros da capital paulista para abrigar o projeto.
O Museu da Diversidade Sexual, que atualmente usa um espaço na estação República do Metrô, vai ganhar novas instalações e será transferido para o Palacete Franco de Mello, um casarão tombado na Avenida Paulista, que tem um dos M² mais caros do país.
Atualmente, os trâmites burocráticos que envolvem a compra do imóvel estão sendo realizados pela Secretaria da Cultura. O imóvel é tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat).
Além dos 600 metros quadrados do palacete, haverá também um anexo de dois mil metros quadrados de área construída em um prédio de até cinco andares para abrigar atividades da entidade. “O processo está correndo. A gente abriu um edital porque o imóvel é tombado pra quem quiser participar do concurso de um projeto arquitetônico de restauro e um anexo de 2 mil M²”, disse Franco Reinaudo, diretor do museu, em entrevista ao G1.
A expectativa de Reinaudo é inaugurar o espaço com uma exposição de esculturas do artista plástico francês Auguste Rodin. As estátuas expressam a visão do corpo feminino de um hetero e de um gay: “Tem uma conversa com embaixador da França, um link estabelecido”, comentou o diretor do museu. “Queremos preservar acervo de personagens importantes ligados à comunidade LGBT, como o artista plástico Darcy Penteado [pioneiro do movimento]”, acrescentou, lembrando que Claudia Wonder, tida como ícone dos ativistas gays, deve ter seus objetos pessoais expostos no local.
O blogueiro Danilo Fernandes, do Genizah, comentou a notícia e manifestou indignação e repúdio com o uso de milhões de reais na criação de um museu sobre a homossexualidade.
“Confira, caro leitor, quais são as prioridades do governo do PT! O local escolhido para abrigar o museu da diversidade sexual é um dos metros quadrados mais caros do país e um cartão-postal da cidade. O casarão, herança da tradição empreendedora que ergueu São Paulo será arrematado ao custo de milhões de dólares para abrigar um museu celebrando a… vadiagem. É isto, mesmo? Perguntamos: Como pode uma cidade com enormes deficiências em áreas como a saúde, segurança, educação priorizar um investimento destes? Este é o destino adequado para os nossos impostos? Conclamo os cidadãos de bem da cidade de São Paulo a mobilizar os seus vereadores a fim de que mais esta arbitrariedade do PT seja barrada”, criticou.

PARTICIPAÇÃO
Os leitores podem colaborar com o conteúdo do UL enviando notícias, fotos e vídeos
(de acontecimentos ou comentários) que sejam relevantes no Brasil e no mundo. Para isso, Envie sua Notícia para uniaodoslivres@hotmail.com
***DEIXE SEU COMENTÁRIO ***

Receba Nosso Conteúdo Exclusivo


Notícias Urgentes, Mensagens de Dobson Lobo e etc Uniaodoslivres
Via: G+
Tecnologia do Blogger.