Agência Canadense de saúde exclui informação sobre "Propagação pelo ar" do vírus Ebola

Share:
Texto alterado em meio a preocupação com primeiro caso confirmado na América
A Agência de Saúde Pública do Canadá excluiu informações de seu site oficial, que indicou que a "disseminação aérea" de Ebola foi fortemente suspeito pelas autoridades de saúde, em meio a esforços por parte de funcionários do Texas para acalmar as preocupações sobre o primeiro surto do vírus na América.
A imagem abaixo mostra página de informações de originais Canadá site da Agência de Saúde Pública de o vírus Ebola como ele apareceu em 20 de agosto em comparação com o que parece agora.
Sob a seção intitulada "modo de transmissão", o texto original declarou que, "disseminação aérea entre os seres humanos é fortemente suspeita, embora ainda não tenha sido demonstrada de forma conclusiva."
No entanto, o texto alterado afirma que "a transmissão aérea não foi demonstrada entre os primatas não-humanos."
Ambas as passagens se referem a um estudo de 2012 por cientistas canadenses que indicavam que o vírus Ebola pode ser transmitido pelo ar entre espécies diferentes.
"Pesquisadores da Agência Canadense de Inspeção de Alimentos e Agência de Saúde Pública do país têm mostrado que os porcos infectados com esta forma de Ebola pode passar a doença para macacos, sem qualquer contato direto entre as espécies", informou a BBC News .
Embora não haja nenhuma confirmação de que Ebola passou no ar, Michael T. Osterholm, diretor do Centro de Investigação em Doenças Infecciosas e Política da Universidade de Minnesota, reconheceu em uma recente New York Times op-ed que virologistas estão "relutantes em discutir abertamente mas são, definitivamente, considerando em particular "a possibilidade de que Ebola tem ido no ar.
Alguns questionaram por que centenas de trabalhadores de saúde tornaram-se doente e morreu de Ebola já que eles tomam precauções extremas para evitar o contato corporal com as vítimas.

PARTICIPAÇÃO
Os leitores podem colaborar com o conteúdo do UL enviando notícias, fotos e vídeos
(de acontecimentos ou comentários) que sejam relevantes no Brasil e no mundo. Para isso, Envie sua Notícia para uniaodoslivres@hotmail.com
***DEIXE SEU COMENTÁRIO ***

Via: Infowars

Nenhum comentário