Publicidade

Últimas Notícias
recent

Forças de Iraque e Síria matam 40 integrantes do Estado Islâmico.

A aviação síria bombardeou mais de 20 pontos ocupados por jihadistas na cidade de Al Raqqah


O DIA



Bagdá - Um dia após combatentes do grupo Estado Islâmico (EI) matarem 80 pessoas no norte do Iraque, mais de 40 de seus integrantes foram mortos ontem, alvos de bombardeios da aviação síria e ataques de forças de segurança iraquianas.
A aviação síria bombardeou mais de 20 pontos na província de Al Raqqah, no norte do país, e em Al Tabaqa, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH). Foram atingidos edifícios governamentais que o EI tinha transformado em sedes de sua propriedade. Entre eles estão a antiga sede da Justiça Militar, a da Inteligência síria, e diversas construções próximas à sede do governo e do Hospital Nacional.
As forças de segurança iraquianas, apoiadas por combatentes tribais, mataram pelo menos 12 jihadistas do EI na província de Saladino, ao norte de Bagdá, segundo uma fonte de segurança. Os militantes morreram durante choques no norte da cidade de Al Daluaya, e três policiais ficaram feridos.
De acordo com a mesma fonte, integrantes do Estado Islâmico teriam executado um antigo oficial do exército iraquiano, e um funcionário local na cidade de Yalaula. Os dois teriam sido mortos porque rejeitaram jurar a lealdade ao EI.

fonte: http://odia.ig.com.br/
Tecnologia do Blogger.