Publicidade

Últimas Notícias
recent

Armas químicas sírias foram destruídas, anuncia Pentágono

Elementos foram neutralizados a bordo do navio militar Cape Ray.
Material incluía elementos para produzir gás mostarda e sarin.

O navio americano Cape Ray deixa o porto de Gioia, na Itália, com uma carga de armas químicas da Síria na noite desta quarta-feira (2) (Foto: Luca Bruno/AP)O navio americano Cape Ray deixou o porto de Gioia, na Itália, com uma carga de armas químicas da Síria no início de julho (Foto: Luca Bruno/AP)
Todos os elementos suscetíveis de serem usados para fabricar armas químicas entregues pelo regime de Bashar Al-Assad foram "neutralizados" a bordo do navio militar "Cape Ray", anunciou o Pentágono nesta segunda-feira (18).
Depois de um telefonema ao capitão do "Cape Ray", o secretário americano da Defesa, Chuck Hagel, confirmou a "neutralização, no mar, dos elementos químicos mais perigosos que a Síria armazenava" e que incluíam material para produzir gás mostarda, além do gás sarin.
O pentágono já havia anunciado, no dia 12 de agosto, que todos os elementos de gás sarin haviam sido neutralizados.

Após a neutralização, os produtos serão entregues a empresas especializadas no tratamento de resíduos industriais, bem como outros produtos químicos sírios.

Pressionado pela comunidade internacional depois de ataques químicos nos subúrbios de Damasco, o regime sírio do presidente Bashar al-Assad aceitou um plano internacional para destruir seu arsenal de armas químicas.
Em agosto de 2013, ataque com armas químicas atribuído ao governo sírio matou 1,4 mil pessoas.
Tecnologia do Blogger.